05 dezembro, 2012

You

This battered room I've seen before. The broken bones they heal no more. (No more!) With my last breath I'm choking.
Will this ever end? I'm hoping. My world is over one more time.

Olhe novamente e diga o que vê. Seja sincero, não vou me assustar, não mais. 
Só diga, essa que você vê, é o quê? O que ela representa pra você?
Valeria sua vida?
Feche os olhos e sinta, ponha sua mão no peito e ouça meu coração, ele bate por você e assim será. Poque nada mais importa, te olho dormindo e me pergunto se me ouviria se eu te chamasse.
Talvez, não seja tão simples e se eu estiver em apuros, quem vai me salvar?
Talvez, eu não queira ser salva...

Nas suas orações, você implora a um Deus invisível a proteja, a proteja e cuide dela.
Mas você não percebe...

Estava sendo quebrada, a regra, o selo.
A bondada está sendo abandonada, como uma larva que vira uma borboleta.
O problema é que essa mutação não tem fim.
Ela vai sumindo até quando você não reconhece-la mais...




2 comentários:

  1. Cada textooooo, parabens :)
    amo todos rs'

    beijooooos
    www . annecrisley . blogspot . com
    junte tudo para acessar meu blog
    <3

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Aaah, valeu florzinha :D

      Sempre to te visitando. ♥

      Excluir

Deixe aqui seu comentário :)